• (11) 4521-9494 / 97647-5816 (TIM) / 96650-4335 (CLARO)

Atualidades em Medicina e Odontologia do Sono

world Association of Sleep Medicine- SP/ 2009
Profissionais de Medicina e Odontologia do Sono de Jundiaí

Dra. Denise Fernandes Barbosa
Neste mês de novembro aconteceu em São Paulo o 3o Congresso Mundial de Medicina do Sono, com as maiores autoridades do meio científico. Tive a oportunidade e privilégio de participar do fórum internacional de palestras e simpósios sobre os mais diversos assuntos dos Distúrbios Relacionados ao Sono, juntamente com os médicos otorrinos dr. José Mário Simões da Costa, dra. Regina K. Mizutani e dra. Ana Laura Vargas e com o pediatra dr. José Carlos Pereira Junior, profissionais da Medicina do Sono de Jundiaí.
Os temas abordados correlatos aos Distúrbios Relacionados ao Sono (DRS) foram: Desordens do Movimento, Síndrome das Pernas Inquietas, Parassonias (sonambulismo, bruxismo, terror noturno), insônia, dor (Fibromialgias), Síndrome Metabólica (doenças cardiovasculares – ataques cardíacos e derrames cerebrais, doenças vasculares periféricas e diabetes), obesidade, menopausa, gestação, cirurgias (maxilo-mandibular, desvio de septo, uvulopalatofaringoplastia, adenotonsilectomia), medicamentos de última geração e aparelhos para tratamento da Apneia Obstrutiva do Sono (CPAP e Aparelhos Intra Orais) com suas indicações e contraindicações, doenças degenerativas (Parkinson e Alzheimer), ritmos circadianos (relacionados ao período dia/noite), problemas sexuais, Distúrbios Comportamentais do Sono REM e NREM, sono na infância, processos cognitivos (aprendizado, memória, atividades diárias), comportamentos da vida moderna levando à diminuição e interferência do tempo de sono necessário para o restabelecimento do organismo, entre outros.
Como se vê, a Medicina do Sono envolve todas as áreas da Medicina e profissões ligadas à área da saúde, e tem sido uma tendência mundial, pois os DRS são considerados problema de saúde pública, comprometendo grande parte do orçamento para tratamento da doença, associada a uma maior utilização dos cuidados de saúde, serviços e produtos, assim como deficiências funcionais. Portanto, manter o conhecimento atualizado, promover educação para melhorar a saúde do sono e incentivar a prevenção e o tratamento dos DRS é uma necessidade para o progresso da saúde do sono.