• (11) 4521-9494 / 97647-5816 (TIM) / 96650-4335 (CLARO)

A Vida começa pela Boca!

Sobre as funções que a boca exerce – a mesma faz parte de um corpo e mente que procuram se manter em equilíbrio em relação ao meio e que, ainda, por qualquer motivo, podem alterar essa interação com o ambiente em que se inserem.

Como parte da Medicina, a Odontologia trabalha com a região de cabeça e pescoço. E neste contexto a boca será o assunto a ser abordado.

A boca participa das funções essenciais, em que os dentes, o periodonto, os músculos, a oclusão e as articulações em conjunto recebe diversas informações externas, como estímulos de temperatura, de pressão, de gustação e de dor, como também transmite informações ao meio externo, como emoções por palavras, risos, gritos, sussurros e até silêncio. A boca participa de um corpo e mente, que têm sensações e emoções de prazer ou de dor. É estruturada para absorver e expressar estímulos, mas que começou sua jornada com o meio ambiente no ato do nascimento com o reflexo da respiração no primeiro sopro de vida. E se preparou desde a amamentação com a sucção e deglutição, enquanto a respiração nasal estava sendo aprendida, para o ato de mastigar e falar. Cinco funções exercidas por este sistema tão fascinante.

Muitos profissionais da área da saúde são atentos a fatores específicos de suas especialidades, transformando o corpo em fragmentos, um quebra-cabeças interminável. Muitas vezes se esquecendo que a boca está diretamente ligada às funções mais básicas como o ato de alimentar-se, por exemplo, que dá combustível a um corpo que é sustentado pela coluna, de uma coluna que sustenta a cabeça, de uma cabeça que determina a postura cervical e que compõe um esqueleto que suporta o sistema neuromuscular, os vasos linfáticos e sanguíneos que nutrem e protegem as células, que controla as vísceras e o sistema excretor, eliminando os resíduos desnecessários ao corpo. Um corpo que está contido em seu maior órgão, a pele.

O equilíbrio do corpo e mente, depende do equilíbrio entre suas estruturas e da capacidade adaptativa frente aos fatores estressores, determinado pelos fatores externos e internos. A melhor maneira de conquistar este equilíbrio é respeitando as funções das estruturas do corpo e mente em sua totalidade.

Trabalhe este corpo da melhor forma possível. Começando pela boca, tenha hábitos saudáveis: Alimente-se e respire bem. Mantenha sua higiene bucal e corporal.  Exercite-se e mantenha-se em movimento. Relacione-se bem com o meio onde vive e procure dormir bem. Carregue somente o peso que merece. Corpo e mente com saúde são sinônimos de bem-estar e qualidade de vida.

EFEITOS DA PRIVAÇÃO DO SONO NA SAÚDE

 

Saiba quais os efeitos da privação de sono em sua saúde

Denise Fernandes BarbosaImagine você tirando, todos os dias, valores de sua conta corrente, sem reabastecê-la. Qual seria o resultado final de suas finanças? Um colapso. Privar-se de sono, dias após dias, pode causar também um colapso, tanto na sua saúde como em suas finanças, pois terá que gastar com serviços de saúde para tentar melhorar, de alguma forma, todo este prejuízo.

Leia Mais…

APARELHO ORAL E APNEIA DO SONO

 

Apneia Obstrutiva do Sono e Terapia com Aparelho Oral

Dispositivo Intra Oral para Tratamento de ronco e apneia

Apneia Obstrutiva do Sono (AOS) ocorre quando os músculos relaxam durante o sono, permitindo que o tecido mole da garganta bloqueie as vias respiratórias. Como resultado, a AOS faz com que você pare de respirar várias de vezes por noite. Ronco, sonolência excessiva diurna, problemas de memória, irritabilidade, fadiga e insônia são sinais que você pode estar tendo devi do à AOS. Se deixar sem tratamento, a AOS pode ser uma condição potencialmente fatal. Isso pode aumentar o risco para outros problemas de saúde graves tais como hipertensão arterial, acidente vascular cerebral, doença cardíaca, diabetes, obesidade, depressão e impotência.

Leia Mais…

ALIMENTOS ESSENCIAIS PARA SEU BEBÊ

 

Alimentos essenciais para a manutenção da vida de seu bebê.

Que mãe não se preocupa com o crescimento e desenvolvimento de seu bebê?
Quando o bebê nasce ele já nasce preparado para interagir de alguma maneira com o meio ambiente. Isto se dá através dos reflexos. Existem dois tipos de reflexos, os inatos (incondicionados) e aprendidos (condicionados).

Leia Mais…

RONCO E VIDA AMOROSA

 

Tratamento de ronco e apneia do sono com aparelho oral
Tratamento de ronco e apneiaDe acordo com pesquisa realizada pela American Academy of Dental Sleep Medicine, o ronco pode prejudicar a saúde e a vida amorosa do casal. Noites românticas podem ser interrompidas e relacionamentos podem ficar em risco, pois enquanto um dorme roncando o outro perde o sono a ponto de mudar de quarto. Além de pressionar os casais a dormirem em quartos separados, 45% das mulheres alegam preocupação com a saúde dos parceiros que roncam. Uma diminuição na qualidade e quantidade de sono pode causar cansaço e, potencialmente, a frustração na intimidade dos casais.

Leia Mais…

ATUALIDADES EM SONO – PE/BA

XV Congresso Brasileiro de Sono – Porto de Galinhas pela ABSONO (Associação Brasileira de Sono)- 2015

Associação Brasileira do SonoEspecialmente no que tange à Odontologia do Sono, os especialistas  mostraram as atualidades de diagnóstico e a forma de tratamento dos Distúrbios Respiratórios do Sono (DRS) e suas comorbidades tanto no adulto quanto na criança.

Leia Mais…

SAOS – MULTIDISCIPLINARIDADE É FUNDAMENTAL

 

Síndrome da Apneia Obstrutiva do Sono. Avaliação Médica e Odontológica é Fundamental 

Instituto de Ensino e Pesquisa do Sírio Libanês
Dr. Richard J. Schwab e Dra. Denise Fernandes Barbosa

Em setembro participei do Simpósio Internacional de Tratamento Clínico Cirúrgico da Apneia Obstrutiva do Sono no Instituto de Ensino e Pesquisa do Sírio Libanês. Neste ano a comissão científica nos brindou com a presença do Dr. Richard J. Schwab (professor de medicina na universidade da Pensilvania – EUA), que nos mostrou as mais novas tendências de diagnóstico e tratamento da SAOS (Síndrome da Apneia Obstrutiva do Sono).

Leia Mais…

FISIOLOGIA DO SONO

Fisiologia do sono

Denise Fernandes Barbosa

Até o inicio de 1920, os cientistas consideravam o sono como um estado inativo do cérebro. Depois de 1929 com a invenção do EEG (eletroencefalograma), os pesquisadores mudaram sua forma de pensar, pois registros do exame demonstravam um comportamento dinâmico durante o sono, em que o cérebro tinha muita atividade em alguns momentos e não inativo, como se acreditava. Com o tempo, os estudos sobre o sono foram sendo aprimorados e hoje o exame de polissonografia (estudo do sono) pode revelar vários eventos relacionados ao sono, como movimentos oculares e atividades muscular, respiratória e cardíaca.

Leia Mais…