• (11) 4521-9494 / Fale com a Clínica DFB pelo Whatsapp 96650-4335 (CLARO)

Trabalho em equipe

O sucesso do tratamento de pacientes em consultórios odontológicos é certeiro ao profissional atento não somente aos dentes, mas ao conjunto dos músculos, das articulações temporomandibulares (ATMs) e de toda a dinâmica que a boca apresenta e, sobretudo, considerando que esta pertence a um corpo humano.

A odontologia é uma profissão que atua sobre os dentes. Estes, porém, não agem sozinhos. Ao contrário, são intimamente relacionados às ATMs, as quais possuem 25% de toda a sensibilidade do corpo humano. Ao alterar os dentes, não somente as ATMs e a dinâmica da boca serão modificadas, mas vai impactar, em série, a coluna vertebral, o tronco e os membros.

Esta inter-relação ocorre, pois as ATMs possuem uma conexão direta, no tronco cerebral, com os nervos que participam diretamente do controle do equilíbrio do corpo e das funções vitais.

Não tão simples quanto parece, o tratamento de um paciente dentro da odontologia irá envolver, invariavelmente, todas as áreas da saúde – a medicina, a fonoaudiologia, a educação física, a fisioterapia, a psicologia, etc. – integrando cada componente corporal a um complexo denominado ser humano.

A Clínica Diagnóstico Funcional Bucal está atenta aos componentes bucais, mas também participa ativamente no âmbito interdisciplinar, buscando a harmonia e o equilíbrio do paciente, em um planejamento integrado, proporcionando a saúde como um todo.

Mais uma etapa a ser trilhada

Após um período de créditos na Faculdade de Odontologia de Piracicaba FOP – UNICAMP como aluna especial em biologia buco-dental no departamento de Anatomia, darei início a mais uma etapa em minha carreira ingressando no mestrado desta disciplina com meu querido Prof. Dr. Fausto Berzin.

Com um currículo de trabalhos escritos e apresentados em periódicos e congressos enquanto estudante especial, agora ingresso na FOP-UNICAMP para agregar mais conhecimento científico ao trabalho clínico que venho desenvolvendo na clínica DIAGNÓSTICO FUNCIONAL BUCAL, onde a busca pelo conhecimento é constante. Leia Mais…

Atualidades em Medicina e Odontologia do Sono

A importância do sono para a saúde, aprendizagem e desenvolvimento psicomotor na infância e adolescência tem sido enfatizada na pesquisa pediátrica nas últimas duas décadas e tornou-se cada vez mais evidente que garantir um bom sono durante o desenvolvimento é de fundamental importância para uma vida mais saudável.
O congresso da IPSA – International Pediatrics Sleep Association – deste ano que aconteceu em Paris foi um fórum para os profissionais do sono de todo o mundo, que trabalham em rede e trocam pontos de vista, enquanto aprendem com a classe de pesquisadores mundial sobre os mais recentes desenvolvimentos científicos e clínicos no campo. Leia Mais…

Odontologia na Medicina do Sono

No Brasil, a Odontologia do Sono ainda não é uma especialidade e sim uma prática integrativa à Medicina do Sono, uma especialidade médica. Segundo Miguel Meira e Cruz, médico e dentista português, “para atuar no sono temos de saber de sono e não de aparelhos orais”. Dessa forma, para o médico dentista, o fundamental é “saber diagnosticar corretamente o doente, dado que existem quase 90 doenças do sono, algumas das quais graves”. Leia Mais…

Atualidades em Odontologia na Medicina do Sono – 2017

congresso brasileiro de sono 2017O desenvolvimento da especialidade de Medicina do Sono no Brasil vem sendo cada vez mais constante. E para me manter atualizada, participei do XVI CONGRESSO BRASILEIRO DO SONO EM JOINVILLE, DE 01 A 04 DE NOVEMBRO DE 2017.
O congresso contemplou novas estratégias / ferramentas para o diagnóstico dos distúrbios respiratórios do sono, os impactos da apneia do sono na função cardiovascular, da alimentação no metabolismo e sono, do desempenho cognitivo e esportivo, com utilizar a melatonina e a luz no tratamento de pacientes com distúrbios do ritmo circadiano, dentre outros assuntos.

Participei tanto como congressista, como apresentadora de trabalho. O trabalho que apresentei comparou dois tipos de aparelhos orais para tratamento dos distúrbios respiratórios do sono. Um deles é o DIORS® – Dispositivo Intra-Oral Restaurador do Sono. Esse aparelho foi desenvolvido por mim e é exclusividade da Clínica DFB, com registro no INPI em 2017 e depósito de patente desde 2012.
O DIORS® é um aparelho oral de avanço mandibular que além de tratar pacientes portadores de ronco e apneia, também trata pacientes com bruxismo, que é um distúrbio do movimento durante o sono. O DIORS® possui características em sua construtiva, que difere dos outros aparelhos. Além do mais, o material empregado é de tecnologia alemã e, por ser personalizado e individualizado, é bastante confortável e de fácil adaptação.
Esta oportunidade de participação no congresso, além de proporcionar um período de atualizações e troca de experiências com profissionais especialistas na área de sono,foi bastante oportuno para mostrar o trabalho desenvolvido ao longo de minha jornada de conhecimento e experiência em Odontologia na Medicina do Sono.

 

Bruxismo do sono

O bruxismo do sono é um dos distúrbios do movimento do sono. Se dá pela parafunção dos músculos da mastigação caracterizado pelo ranger ou apertar dos dentes durante o sono e que, geralmente, está associado com micro despertares.  A palavra bruxismo vem do grego O bruxismo do sono é um dos distúrbios do movimento do sono. Se dá pela parafunção dos músculos da mastigação caracterizado pelo ranger ou apertar dos dentes durante o sono e que, geralmente, está associado com micro despertares.  A palavra bruxismo vem do grego brycheinm, que significa ranger dos dentes.

O bruxismo do sono é diferente do bruxismo diurno. A diferença está no estado de consciência e diferentes estados fisiológicos com diferentes estados de ritmicidade da musculatura mastigatória, sendo o bruxismo diurno uma atividade parcialmente voluntária e o bruxismo do sono, uma atividade inconsciente.
O bruxismo do sono é um problema que afeta sobretudo as crianças podendo também afetar os adultos. E afeta indistintamente homens e mulheres.
Vários são os fatores de risco associados ao bruxismo do sono: idade, tabaco, álcool, cafeína, ansiedade, estresse, transtornos psiquiátricos, distúrbios do sono, drogas e disfunções temporomandibulares.
O diagnóstico é feito pela observação de um desgaste dentário anormal, ruídos de ranger de dentes durante o sono, dor orofacial e dor de cabeça ao acordar.
A polissonografia é um exame de diagnostico, que irá identificar os episódios de bruxismo, além de outros distúrbios do sono, tais como ronco, apneia do sono, movimentos periódicos dos membros, dentre outros, durante uma noite inteira de sono e auxilia na orientação do tratamento.
Atualmente, o tratamento odontológico mais utilizado é o das placas oclusais, que auxilia na redução do atrito e proteção dos desgastes dos dentes. Geralmente também se faz necessário abordagem psicoterápica e farmacológica, de acordo com o perfil de cada paciente. A decisão clínica do tratamento deve ser ponderada e baseada nas evidências científicas e na experiência multidisciplinar.

Atualidades em Odontologia na Medicina do Sono – Boston 2017

AADSM - Boston 2017Este ano os encontros das Academias Americanas de Medicina do Sono e Dental de Medicina do Sono acontecem em Boston/EUA. Participo destas reuniões anualmente para renovar e iniciar relacionamentos com colegas de todo o mundo e ao mesmo tempo, ampliar meu conhecimentos sobre o tratamento dos distúrbios respiratórios relacionados ao sono. Alem de participar da ampla variedade de tópicos destas reuniões, proporcionando aos participantes uma visão geral de outros distúrbios do sono, participarei do curso avançado em Odontologia na Medicina do Sono, que me permitirá acrescentar na bagagem do conhecimento o que tem de mais atual sendo pesquisado sobre os distúrbios relacionados ao sono. Não somente serão ministradas palestras sobre os distúrbios respiratórios relacionados ao sono, mas também sobre insônia, hiperosmia, obesidade, implicações cardiovasculares em criança com distúrbios respiratórios do sono, dentre outras.

Pretendo voltar deste congresso mais fortalecida e mais bem embasada para continuar proporcionando um atendimento humanizado com qualidade e profissionalismo.

O sorriso de uma mãe vale muito mais que qualquer palavra!

Há mais de 30 anos exerço a Odontologia e trabalho com crianças, dando-lhes condições de crescimento e desenvolvimento das arcadas dentárias e permitindo-lhes o bom funcionamento da boca. E há quase dez anos realizo a Odontologia na Medicina do Sono, atendendo adultos e idosos, proporcionando a restauração do sono dos pacientes e consequentemente melhorando suas qualidades de vida.

Três gerações

Hoje atendo filhos e filhas de pacientes que já se beneficiaram com o tratamento oferecido pela Ortopedia Funcional dos Maxilares, especialidade que venho exercendo antes mesmo de seu reconhecimento no Conselho Federal de Odontologia. Estes pacientes, pais e filhos, trazem em suas faces os sorrisos que ajudei a construir e que me motivam a continuar atuando nesta profissão tão gratificante.

Tal como a Ortopedia foi um dia, a Odontologia na Medicina do Sono ainda não é uma especialidade, mas é prática integrativa à Medicina do Sono. Para isso, é necessária a atualização constante, participando de congressos nacionais e internacionais, a fim de continuar oferecendo aos pacientes encaminhados aos meus cuidados o conforto, a recuperação da energia e a qualidade de sono. Mais uma vez sou agraciada com aquele sorriso gratificante de quem está satisfeito com os resultados do tratamento oferecido por meus conhecimentos.

Hoje minha clínica está retomando a Odontologia nas resoluções dos problemas clínicos com a chegada de Laura, minha filha recém-formada e que está se especializando em Prótese Dentária pela FOP – UNICAMP.  Uma gratidão imensurável.

A gratidão tem feito parte do processo de minha vida pessoal e profissional de forma intensa e constante. E esta gratidão começou bem antes, com uma família que me ajudou a construir cada momento de minha jornada. Desta forma, não poderia de deixar de agradecer à grande guerreira que fez com que tudo isso fosse possível: minha querida mãe. Feliz dia das Mães, Dona Jandyra, que não se contém em esboçar a alegria de um sono restaurador proporcionado pela filha Denise e um sorriso reconstruído por sua neta Laura integrantes da clínica DFB.

FAIXAS DE QUEIXO

AS FAIXAS DE QUEIXO RESOLVEM O PROBLEMA DE RONCO E APNEIA DO SONO?

Muitos pacientes vêm me perguntando sobre a utilização das faixas de queixo para o tratamento de ronco e apneia do sono. E segundo a coluna MITOS E VERDADES SOBRE O SONO da 8ª edição da revista de Sono da Associação Brasileira de Sono, na matéria da DRa. Dalva Poyares, Dr. Luciano Drager e Dra. Luciane Fujita, na literatura médica científica, não estão disponíveis estudos e pesquisas que demonstrem a total eficiência desse dispositivo no tratamento do ronco.

Leia Mais…

CERTIFICAÇÃO – ABSONO E AADSM

 

Procure por profissional credenciado em Odontologia na Medicina do Sono para tratamento de Ronco e Apneia.

Você sabia que poucos Cirurgiões Dentistas são treinados para ajudar a tratar e gerenciar seu ronco e apneia do sono? A Academia Americana Dental de Medicina do Sono (AADSM) e a Associação Brasileira de Sono (ABSONO) são sociedades profissionais para Cirurgiões Dentistas que ajudam os pacientes a controlar o ronco e a Apneia Obstrutiva do Sono (AOS) através do uso de terapia por aparelhos orais.

Leia Mais…